LMA em idoso

A leucemia mielóide aguda (LMA) é uma doença cuja incidência aumenta com a idade, e a terapêutica ainda é muito homogênea. Em alguns casos devemos escolher entre um tratamento mais agressivo e um tratamento mais brando que o paciente aguente, e em alguns casos apenas suporte clínico.

Neste contexto esse trabalho mostra que em pacientes idosos é prudente realizar uma avaliação geriátrica  incluindo comorbidade, função física (autorreferida e objetivamente medida), cognição e estado emocional no ambiente hospitalar antes da indução de leucemia. A avaliação geriátrica pode prever desfechos como toxicidade por quimioterapia, interrupções de tratamento, hospitalizações e sobrevida. O teste proposto leva 44 minutos para realização e o compara a outros pequenos trabalhos nesta população.

A conclusão do estudo é que existe correlação entre como o paciente está agora (e não há 6 meses) e o desfecho clínico. Isso nos possibilita fazer a escolha mais acertada e individualizada. Foi um estudo piloto e propõe que mais estudos sejam feitos.

Opinião – hoje em dia fazemos a avaliação clínica e muitas decisões são tomadas no que chamamos “olho clínico”. Em oncohematologia classificamos o paciente como Fit , Unfit  e fragil, baseado no estudo do Balducci de 2010.

Acredito que escalas de fácil aplicação, porem mais objetivas que o olho clinico podem auxiliar no melhor manejo e na escolha terapêutica do paciente além de propiciar a realização de estudos.

Autor: Fernanda Santos

Médica hematologista, formada pela Faculdade de Medicina da USP em 1999, Residência em Clinica Médica de 2000 a 2002, Residência em Hematologia e Hemoterapia de 2002 a 2004.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s