Linfoma de Hodgkin

É um linfoma frequente em adultos jovens, porem tem um segundo pico de incidência entre 50-60 anos, onde podemos encontrar comorbidades (outras doenças em conjunto)

O tratamento inclui drogas cardiotóxicas e drogas que podem causar toxicidade pulmonar. Devemos monitorar durante o tratamento e suspender as drogas se as toxicidades ocorrem. Entretanto quem já está no limite não pode usar o medicamento. O racional é que rege a medicina, primeiro não cause dano: de que adianta fazer um medicamento que pode levar a uma falência cardíaca ou pulmonar e deixar o paciente acamado ou em UTI?

Este estudo traz os dados da Polônia entre 2001 e 2013:

“Analisamos, retrospectivamente, o desfecho em longo prazo da doença de 350 pacientes idosos com linfoma de Hodgkin (eHL) tratados com regime semelhante a ABVD / ABVD inscrito no estudo PLRG-R9 entre 2001 e 2013 na Polônia. A remissão completa foi relatada para 73% dos pacientes precoces  e 61% avançados. 56 (20%) pacientes com eventos adversos morreram. Para pacientes com estadio precoce, a regressão de Cox revelou ECOG <2 e idade> 70 como preditivo de pior prognóstico. Para os pacientes com estadio avançado, o mais preditivo para sobrevida global foi a presença de distúrbios cardiovasculares”

Opinião – o ABVD é o tratamento de escolha nesta patologia. Foram tentadas muitas alternativas, algumas com mais toxicidade e morbidade, todas abandonadas. Entretanto temos uma limitação importante do tratamento em pacientes com múltiplas comorbidades e a doença cardíaca nos impede de utilizar as principais drogas, não só em Hodgkin, como em outras neoplasias.

 

Publicado por Fernanda Santos

Médica hematologista, formada pela Faculdade de Medicina da USP em 1999, Residência em Clinica Médica de 2000 a 2002, Residência em Hematologia e Hemoterapia de 2002 a 2004.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: