Linfoma de Hodgkin

Imagem

 

Imagem de Juntos contra o Linfoma

Essa doença é causada por uma proliferação de células no sistema linfático. Começa principalmente com aparecimento de ganglios no pescoço e axilas, mas as vezes podem aparecer na região inguinal (na virilha), ou no mediastino (no meio do tórax).

O diagnóstico deve ser suspeitado se o ganglio ficar estável ou crescer em duas semanas. Devemos proceder uma biópsia do ganglio (não serve punção por agulha fina).

Confirmado o diagnóstico devemos realizar o estadiamento que é a verificação do tamanho e extensão da doença. Isso define o tipo e o tempo de tratamento (de 4 a 8 ciclos).

O estadiamento inclui o PET-CT de corpo total, biópsia de medula óssea, exames de sangue e do coração (este para avaliação pré quimioterapia).

Pode ser necessário a instalação de um dispositivo para aplicação da quimioterapia como o port-o-cath, um cateter que fica embaixo da pele para garantir a aplicação e não depender das veias.

Após a quimioterapia pode ser necessário a radioterapia. Essa geralmente dura um mês, sendo aplicada todos os dias úteis.