Anemia

A anemia pode ser um sintoma de outra doença. Então, o principal é não achar que toda anemia é falta de comida, e sempre procurar um médico para saber o porquê da anemia.
A anemia carencial (por falta de ferro ou de vitaminas B12 ou ácido fólico) podem ser por má absorção, por perdas ou má alimentação. Nesse caso, após ampla avaliação iniciamos a reposição do nutriente em falta e a hemoglobina tende a normalizar. Entretanto, não adianta iniciar o tratamento e parar, pois a anemia vai voltar. Hoje temos maneiras de manter a hemoglobina boa sem prejuizo da atividade social e profissional.
A anemia relacionada a insufiência renal é secundária a baixa de eritropoietina na rim e sua consequente falta de estímulo a medula óssea.
Infelizmente a anemia pode ser o sintoma inicial de uma leucemia. Mas nem toda anemia é princípio de leucemia!
Existem outras doenças da produção da célula produtora de glóbulos vermelhos que podem afetar o sangue levando a anemia. São as doenças mieloproliferativas, as aplasias e as síndromes mielodisplásicas.
Existem ainda as anemias genéticas, aquelas que toda a família pode ser afetada, como as talassemias, a doença falciforme, esferocitose e defeitos das enzimas como G6PD e piruvato quinase.
Enfim precisamos saber o sobrenome da anemia para definir melhor qual o tratamento!